sábado, 4 de fevereiro de 2017

"Xereu" Falou com a imprensa pela primeira vez


Ele virou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais. Você pode até não conhecer, mas certamente já ouviu falar em Xeréu , homem nesse momento esta mais famoso do que os apresentadores de TV de Coroatá . O caso ganhou bastante destaque esta semana quando pessoas ligadas a um grupo político de Coroatá começaram a contestar a suposta contratação de Xeréu, que segundo essas pessoas, pertence a outro grupo político. A viralização foi imediata na internet. Músicas, vídeos, imagens, vários materiais foram produzidos e compartilhados com uma velocidade impressionante.

O Coroatá Online conversou com Antônio Carlos Pontes de Sales, o Xeréu, que disse estar calma sobre a repercussão envolvendo seu nome. Negou ter ofendido qualquer pessoa, como divulgaram nas mídias, e que está acionando a justiça para que puna os responsáveis por isso.

“Sou uma pessoa muito tranquila. Sinceramente, quero agradecer as pessoas que tem nos procurado, dando apoio e a forma como a população coroataense tem se manifestado, em reconhecer a pessoa de verdade que eu sou, todos sabem da minha conduta. De maneira alguma eu ofendi ninguém como andam falando nos áudios, fotos, músicas e vídeos visualizados. Outra coisa que posso falar é que as devidas providências serão tomadas conforme a situação ocorrida”, disse.

Sobre ter sido contratado, Xeréu disse que isso nunca aconteceu na atual gestão, por um princípio simples e lamentável, a forma como conduzem a política em Coroatá. Ressaltou também que as inverdades jogadas nas redes sociais precisam ser combatidas pelas autoridades, pois tem um grande poder de devastação.

“Não fui contratado, como todos nós sabemos doutrina política influência muito nesse assunto. Tudo iniciou-se de uma maneira rápida, quando uma pessoa que nem se quer tenho algum contato direcionou áudios à mim formados sem nenhuma verdade. Hoje em dia, relações públicas se pautam nas redes, que espalham boatos facilmente, dessa vez não foi diferente. Isso mostra a que ponto depende-se de fatos reais para se formular uma tese e como um ser humano mal informado, pode ser só mais um no lado da mentira. A manifestação individual de uma pessoa deve ser pensada pois palavras mesmo sendo o veículo de comunicação, pode ser também o bem ou o mal de quem as inferiu no meio social”, explicou Antônio Carlos Pontes de Sales.

Essa entrevista foi dada ao Portal Coroataonline nesta Sexta-Feira(03).
Comentários
0 Comentários
COROATÁ NA TV. Tecnologia do Blogger.